Assembleia define identidade de projeto de leitura

CRAS promove palestra sobre direito previdenciário da mulher
26 de abril de 2023
Secretária de Educação participa do Fórum Estadual Ordinário da UNDIME
28 de abril de 2023

Assembleia define identidade de projeto de leitura

Com o objetivo de incentivar a leitura, valorizando a criatividade, cooperação e protagonismo dos estudantes, nessa segunda-feira, 24 de abril, ocorreu o Processo Assemblear para definir a identidade do projeto “Estrela Velha: Comunidade Leitora”.

A Assembleia foi realizada em dois momentos, o primeiro para escolha do slogan e mascote, na EMEF Álvaro Rodrigues Leitão, e o segundo para definição do logotipo, na EMEF 25 de Julho. Os momentos foram conduzidos pela Cooperativa Escolar de Estrela Velha, com orientação e organização de representantes do Programa A União Faz a Vida (desenvolvido em parceria com a Sicredi).

Inicialmente, foram apresentadas as ideias que as turmas, com o auxílio dos professores, desenvolveram para a representação do projeto. Em seguida, estudantes, professores, funcionários e comunidade presente participaram de uma votação para escolher a ideia que melhor representasse o projeto de leitura.

A criação dos elementos foi dividida da seguinte forma: mascote (turmas do 1º ao 4º ano EF da EMEF Álvaro Rodrigues Leitão); slogan (turmas do 5º ao 9º ano EF da EMEF Álvaro Rodrigues Leitão); e logotipo (turmas do 1º ao 5º ano EF da EMEF 25 de Julho).

O slogan mais votado foi #leitoresdomundo, desenvolvido pela turma 7ºJ, do 7º ano do ensino fundamental. Para a escolha da mascote houve empate, entre o gato “Eugênio”, criado pelo 4ºG, do 4º ano do ensino fundamental, e o “Superlivro”, desenvolvido pelo 2ºC, do 2º ano do ensino fundamental – sendo assim, as turmas, juntamente com professores e direção, irão definir a forma de unir a ideia das mascotes. Já o logotipo foi criado pelas turmas da EMEF 25 de Julho, de maneira coletiva, unindo os elementos e ideias de todos os estudantes.

Conforme a secretária de Educação, Christiane Ravanello Castilhos, a iniciativa buscou valorizar a produção artística dos estudantes, desenvolvendo aspectos relacionados à criatividade, originalidade e comunicação. “Esse projeto reforça a importância da leitura para a vida, como promotora de conhecimento, a fim de incentivar o hábito da leitura na comunidade”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 13 =